sábado, 10 de setembro de 2011

Boa noite amigos!
Hoje a razão porque escrevo é bem mais triste que as anteriores, por isso mesmo senti necessidade de partilha-la:

Conheci uma menina chamada Maria que infelizmente, foi-lhe diagnosticado em Dezembro ultimo, Leucemia. 
A Maria tem 10 anos, deveria estar como todas as outras crianças a preparar o regresso às aulas, em casa com os mimos da família, a terminar as férias grandes.
Mas não, afinal está no IPO internada, a espera de alguém compatível para a salvar, infelizmente como muitas outras.
Sinto-me muito pequena sempre que tomo conhecimento de mais uma situação tão triste como esta.

Tento colocar-me no lugar desta família para perceber a dor imensa que estão a passar, e mesmo assim não consigo imaginar. Mas acredito que seja tão grande, tão grande que chega a dar arrepios.

Por esse motivo estou aqui para vos sensibilizar, a ajudarem a Maria!! 

Pequenos gestos de uns evitam a morte de outros. E quando falo de pequenos gestos, não estou a exagerar, são mesmo Pequenos. Que salvando se tornam Pequenos GRANDES Gestos.

Para quem estiver interessado mas pouco informado, ajudo em algumas questões.

Quanto à Leucemia, define-se como uma deficiência da produção de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. Que são imprescindíveis para vivermos.
Os G.vermelhos porque transportam o oxigénio, os brancos porque nos defendem dos bichos oportunistas que se  instalam dentro de nós e provocam infecções, e por ultimo as plaquetas mas não menos importantes, que previnem e controlam as hemorragias.

No fundo o que a Maria precisa é que alguém compatível com ela dispense uma pequena quantidade  de liquido responsável pela produção desses nossos amigos, que nos fazem viver entre outros.
Esse liquido encontra-se na medula. Para ser extraído existem duas formas de o fazer:

Através de uma veia periférica, é retirado sangue para um sistema que automaticamente separa esses 3 amigos para a Maria, e o restante devolve ao dador. 
A outra forma é através da extracção directa na medula, ou seja, sendo administrado primeiramente um anestésico e de seguida retirado da medula uma pequena quantidade de liquido saudável, que vai substituir o estragado da Maria.

Por ultimo pensem que como esta linda princesa Maria, existem muitas outras, e estas desgraças não avisam quando batem à nossa porta. 
Imaginem como será o sofrimento de alguém que sabe que existe uma possível cura para a doença, mas não encontra ninguém disponível que seja dador. 

Penso que deveria ser um dever de cidadania e humanidade, ajudarmo-nos uns aos outros. Mas infelizmente não é assim, ficando essa ajuda à consciência de cada um. 
Com muita tristeza observo que o ser humano tem um "umbigo muito grande" e se esquece de olhar em volta.

Para aqueles que tenham um umbigo pequenino como eu, deixo ficar aqui os contactos e as directrizes de forma a poderem ajudar:

www.chsul.pt
Site para esclarecer duvidas e se inscreverem como dadores de medula.

Telefones:
217504175
217504101

mail: cedace@chsul.pt

Para quem necessitar de alguma ajuda aqui vai: entram no site chsul e preencham o formulário para dadores, de seguida podem enviar por mail de forma a ficarem inscritos. Mais tarde, serão contactados para que se dirijam ao laboratório mais perto da vossa residência de maneira a recolherem uma amostra de sangue para análise, de forma a perceber se são compatíveis ou não.
Podem desistir sempre que quiserem, ou ficarem inscritos e marcarem a diferença.

Obrigada a todos!










sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Bom dia a todos,
com o Setembro a começar inicia-se uma nova época escolar!!!

Todas as crianças adoram os preparativos para um novo ano escolar! Desejam cadernos novos, lápis, canetas, dossiers, enfim o normal para criança e adolescente.

Infelizmente nem todos os papás e mamãs têm a poder económico de satisfazer os desejos dos mais novos.
Por esta razão estou a escrever: Criticamos o País, criticamos as pessoas que vivem nele, criticamos nós próprios. Parte de nós cidadãos deste País fazer algo por quem vive nele.

Todos nós andamos muitos fechados a olhar para o nosso umbigo, e digo-vos que existem portugueses com um umbigo muito grande.....

Mas a questão é que se levantarmos um pouco as nossas cabeças e começarmos a observar a nossa volta com olhos mais solidários, encontramos vizinhos bem como outras pessoas a necessitarem de ajuda para viverem com condições, neste País de palhaços!

Experimentem!!! 

Eu felizmente já consegui observar com esses olhos, aliás nunca me lembro de não o fazer.
E por esta razão sinto-me bastante útil, principalmente quando escolho a roupa da minha filha que ela já não veste e distribuo a vizinhas minhas, o mesmo acontece com os brinquedos que ela foi deixando de brincar. etc.

Mas este ano penso numa coisa nova, ou seja, Material Escolar!!!

Se podermos roubar ao nosso orçamento mensal 5/10 euros para comprar uns materiais novos no supermercado: cadernos, borrachas, afias, lápis, canetas, etc....
Estamos a ajudar!

Para terem uma ideia, uma criança que esteja a frequentar o 6 ano gasta em média nos Livros Escolares 160 euros, "SÓ LIVROS" ficando a faltar o resto.

Agora, temos vizinhos com 2 e 3 filhos, imaginem! 

 Se não tiverem a possibilidade de arranjar o material escolar, pegue nesse dinheiro e OFEREÇA dizendo É para AJUDA do material escolar.

Acreditem, vão-se sentir diferentes e bem melhores! 

"Lembre-se que se algum dia você precisar de ajuda, você encontrará uma mão no final do seu braço. À medida que você envelhecer, você descobrirá que tem duas mãos - uma para ajudar a si mesmo, e outra pra ajudar aos outros."
(Audrey Hepburn) 


sábado, 13 de agosto de 2011

Olá!
Neste momento encontro-me de férias, ou seja sem fazer nada!
Tive a sorte de viajar com amigos para conhecer a Tunísia...conhecer um pouco esse povo.
Achei engraçado mas por vezes cansativo a forma como praticam o comércio. Sempre a Negociar! ;)

Entendo que as suas origens tenham sido um pouco nesse sentido, não fosse o território onde está a Tunísia sido colonizado no ano 1000a.C. pelos fenícios, povo de origem semita que fundam Cartago, importante centro comercial do mar Mediterrâneo até a destruição pelos romanos em 146 a.C.

Mas mais uma vez adorei!!! aliás adoro viajar!! vivo para viajar!!
Mais uma vez o grupo foi fantástico...sempre em lounge!!!!


Agora de volta a casa decidi reciclar...fui ao sotão e encontrei utensilios que vão para continuar o lounge no meu terraço!

O bondex soluciona muita coisa...mais umas pinturas em molduras, imprime-se umas fotos e zás!!!
Com um pouco de tempo e criatividade consegue-se tudooo! Principalmente vontade!
Agora estou desejosa de encontrar um candeeiro ou forma de fazer um, com motivos orientais!!!

Depois aproveitar o resto das férias.....:)
Até já

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Insuficiência Cardiaca Congestiva Atípica

Ao fim de tanto tempo...............
a verdade é que nem sempre arranjamos tempo para tudo.

Voltei a sentir falta de partilhar informações e sentimentos!
Desta vez venho partilhar a Insuficiencia Cardiaca Congestiva Atípica, tentando obviamente utilizar uma linguagem mais acessivel. Pelo menos vou tentar simplificar um tema que aprofundei um pouco e achei bastante interessante.

Em primeiro lugar devo esclarecer o que significa Insuficiência Cardiaca Congestiva.
Sendo esta conhecida como uma disfunção do coração.
Penso que seja conhecido de todos que o nosso coração encontra-se dividido em 4 bolsas, 2 auriculas (em cima) e 2 ventriculos (em baixo). As auriculas enchem-se de sangue, de seguida despejam-no para os ventriculos e estes começam a contrair-se para terem força de expulsar o sangue de forma a que chegue a todas as partes do nosso corpo ( até regressar de novo às auriculas...). Quando existe alguma falha neste enchimento, os ventriculos perdem a capacidade de enviarem o sangue para o nosso corpo de forma eficaz, levando a uma insuficiencia cardiaca. (Sem referir aqui a diferença entre lado direito e lado esquerdo).

São várias as razões que levam a este tipo de insuficiência. Deixo essa explicação  para depois. Mas normalmente, está ligado ao cansaço do próprio coração, que por norma quando tem 60 anos começa a queixar-se...;)) sempre a trabalhar. :) outros aspectos como a alimentação, a falta de exercicio, etc..todas essas coisas que já foram referidas.

Com outro vocabulário, mas mais ou menos isto.
Agora o que gostaria de partilhar é algo novo que também desconhecia. Ou seja, um coração por volta dos 30 anos revelar uma insuficiencia que normalmente aparece por volta dos 60/70...como referi anteriormente.

A resposta a esta insuficiencia cardiaca congestiva atipica, resume-se ao facto de existir um tratamento para o cancro da mama HER2 positivo, que interfere com umas células que constituem o nosso coração.
Um estudo efectuado pelo departamento de oncologia, da Universidade do Hospital Central de Helsinki, na Filândia veio comprovar que a cardiotoxicidade é uma preocupação nesse tratamento. Encontrou efeitos adversos em 1% dos pacientes que efectuaram esse tratamento.

Tratamento com o Transtuzumab:

O nosso coração é constituido por células que cujo nome, são os miócitos, estes por sua vez, na sua variada composição têm uns receptores chamados de  HER2 que exercem a função de cardioprotecção. Ou seja, proteger o coração.

Por sua vez, as células mamárias também são compostas desses receptores, os HER2, mas aqui com funções diferentes.
Ou seja, nas células mamárias a função é de crescimento epidérmico (pele), que obriga a ter uma proteina e uma leitura para se dar esse crescimento, que não pode ter erros.
Um simples erro que aconteça no crescimento dessas células epidérmicas, pode desenvolver-se em células anormais, essas por sua vez vão originar mais células anormais. A que damos o nome de cancro de mama HER 2 positivo. (forma simplificada de explicar)

Então o que faz este medicamento (Transtuzumab)?

Este fámraco o que vai fazer é evitar que essas células anormais se repliquem e aumentem o espaço em que se encontram. Este fármaco no fundo é um antagonista desse receptor (HER2).
Ou seja, sempre que algo se ligue a esse HER 2, ele tem como função o crescimento epidérmico, mas se for anormal então esse crescimento vai-se manter anormal.

Ao ser antagonista (Transtuzumab), vai ligar-se na mesma, mas evitando esse crescimento. Prevenindo dessa forma o crescimento de mais células anormais. Fazendo com que o cancro nao se desenvolva tanto.

Mas e o coração, o que acontece? porque é prejudicado?
Se o coração têm esses mesmos receptores (HER2), ao tomar este fármaco, também se vai ligar aos miócitos, ( células cardiacas) diminuindo a sua capacidade de protecção. uma vez que os receptores HER2 nos miócitos exercem a função de cardiprotecçao como já tinha sido referido.


Mais uma vez espero ter conseguido usar vocabulario simples de forma a clarificar mais um tema acerca de nós todos...uma vez que todos temos coração! ou não?! :)

Até à próxima!!!